O Sporting perdeu com o Barcelona, esta sexta-feira, por 5-3 em encontro da meia-final da UEFA Futsal Cup disputado no MEO ARENA.

Os golos dos catalães foram apontados por Dyego (16'), Wilde (26' e 28'), Bateria (40') e Sedano (40'). Para o Sporting marcaram Diogo (12'), João Matos (33') e Caio (37').

O encontro até começou de feição para os leões que, empurrados por 12 mil pessoas que lutaram o MEO Arena, chegaram à vantagem na partida através de Diogo que rematou para o primeiro do jogo estavam decorridos 12 minutos.

Os catalães criaram uma oportunidade pelo irrequieto Dyego que, pouco depois do golo inaugural, rematou à barra da baliza d Benedito. E depois do aviso veio o golo, o brasileiro fez o mesmo movimento e desta vez atirou com sucesso para o empate na partida.

Nada que atemorizasse os adeptos que voltaram a carregar a equipa às costas, só não conseguiram carregar o capitão João Benedito que se lesionou com gravidade e teve de sair para dar lugar a Cristiano.

Mais golos só na etapa complementar e logo de rajada. Um momento de desconcentração da defesa do Sporting que até então tinha estado imperial, e Wilde aproveitou para marcar aos 27' e aos 28', colocando o resultado em 3-1.

A equipa de Nuno Dias voltou a superar-se e lutou até à exaustão para reduzir o placard que nesta altura era tão desfavorável. Djô rematou para a defesa de Sedano, depois foi Alex a rematar à malha lateral.

Pelo meio a agressividade leonina a defender resultou na quinta falta, mas pouco depois João Matos empurrava a bola para o fundo da baliza e o 3-2 incendiava o MEO Arena que voltava a acreditar.

Nuno Dias recorreu à esperada estratégia do guarda-redes volante com Alex a tomar esse lugar aos 36 minutos. E não foi preciso esperar muito para ver resultados com Caio Japa (37') a empatar a partida.

O Sporting fazia frente ao campeão, apesar do valor monetário que separa as armas das duas equipas. Tudo parecia encaminhar-se para o prolongamento. Cristiano aos 39 minutos fez duas grandes defesas querendo mostrar que a sua equipa não iria perder nos instantes finais, não iria morrer na praia. Mas morreu. Bateria, a 30 segundos do fim, incutiu um golpe muito duro ao marcar com classe o 4-3.

E se o Sporting ainda tentou fazer-se valer do seu último fôlego para empatar, Paco Sedano fez questão de acabar com qualquer veleidade. Sob a buzina final, o espanhol ainda apontou o 5-3, resultado com que acabou o encontro.

Com este resultado, a equipa catalã irá disputar a final com o Kairat Almaty este domingo às 17h30 no MEO Arena. Já o Sporting irá enfrentar o Dina Moscovo no jogo de atribuição do terceiro e quarto lugar às 15 horas.

No MEO Arena estiveram 12,076 espectadores a assistir a esta meia final.

Cinco inicial Sporting: João Benedito, Diogo, João Matos, Caio e Alex;

Jogaram ainda: Cristiano, Marcelinho, Pedro Cary, Djô, Miguel Ângelo, Cássio e Fábio Lima;

Cinco inicial Barcelona: Paco Sedano, Gabriel, Lin, Bateria e Wilde;

Jogaram ainda: Aicardo, Ari, Dyego, Saad, Ferrão e Rafa Usín;

Andamento marcador: 0-1, 1-1, 2-1, 3-1, 3-2, 3-3, 4-3 e 5-3;

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.