Tal como na edição passada, Portugal foi incapaz de superar o velho rival, saindo de Itália sem o título de campeão do Mundo. No Chile, em 2007, Espanha também tinha vencido, então por 2-1.

Sob o comando de Jorge Lopes, recém consagrado campeão europeu de sub-17, Portugal realizou um campeonato de grande nível, mas acabou por claudicar na final, sobretudo devido a Ferran Garcia, autor de três dos cinco golos de Espanha.

A equipa lusa entrou mal no jogo e, aos 13 minutos, Enric Torner enviou ao poste, na primeira ocasião de golo do primeiro tempo.

As duas equipas, muito equilibradas, optaram por jogar de forma muito defensiva, sobretudo durante o primeiro tempo: apesar das cautelas, Portugal sofreria o primeiro golo, a 45 segundos do final, por intermédio de Ferran Garcia.

No início do segundo tempo, a equipa portuguesa entrou muito bem e conseguiu dois bons lances de golo, mas foram os espanhóis a marcar e de novo por Ferran Garcia.

Diogo Fernandes, aos 23 minutos, reduziu para 2-1, mas Enric Torner, aos 34, aumentou a vantagem para Espanha.

Aos 35 e 36 minutos, Ruben Pereira e João Rodrigues empataram e deixaram Portugal ainda com esperanças, mas logo de seguida o "carrasco" Ferran Garcia fez o seu terceiro na partida e praticamente "arrumou" com o jogo.

Já perto do final, Enric Torner “bisou” na partida e permitiu à selecção espanhola a reconquista do título.

Chile, Itália, Alemanha, Argentina, França e Suíça, ocuparam da terceira à oitava posições, respectivamente.

Jogo no Palácio dos Desportos de Bassano, em Bassano del Grappa.

Espanha - Portugal, 5-3.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Ferran Garcia, 19 minutos.

2-0, Ferran Garcia, 21.

2-1, Diogo Fernandes, 23.

3-1, Enric Torner, 34.

3-2, Ruben Pereira, 35.

3-3, João Rodrigues, 36.

4-3, Ferran Garcia, 36.

5-3, Enric Torner, 39.

Equipas:

- Espanha: Carles Grau, António Perez, Eduard Lamas, Ruben Fernandez e Enric Torner. Jogaram ainda Ferran Garcia e Pablo Aguaron.

- Portugal: Filipe Miranda, José Pereira, José Costa, Henrique Magalhães e João Rodrigues. Jogaram ainda Paulo Passos, Diogo Fernandes e Ruben Pereira.

Assistência: 1.500 espectadores.

Árbitros: Ulderico Barbarisi e Mario Guadagnini (Itália).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.