O português João Sousa, 65.º do ‘ranking’ mundial de ténis, foi eliminado na primeira ronda de qualificação para o Masters 1.000 de Cincinnati, pelo polaco Kamil Majchrzak, 108.º da hierarquia, na quinta-feira.

No torneio norte-americano, que está a ser disputado em Nova Iorque devido à pandemia de covid-19, o número um nacional foi batido por duplo 6-3, em uma hora e 16 minutos, no seu regresso à competição, depois da suspensão provocada pela pandemia de covid-19.

João Sousa, que continua sem conseguir ganhar qualquer encontro a nível ATP em 2020, vai permanecer na ‘bolha’ criada em Flushing Meadows, onde vai disputar o US Open, o segundo Grand Slam do ano, entre 31 de agosto e 13 de setembro, juntamente com o compatriota Pedro Sousa, 110.º do circuito.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.