Rafa Nadal abordou, esta sexta-feira, em conferência de imprensa a sua lesão no pé e a possibilidade de jogar o torneio de Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada.

O espanhol revelou a intenção de jogar no Grand Slam inglês onde não compete já há três anos: "A minha intenção é jogar o torneio de Wimbledon. O tratamento a que me estou a sujeitar dá-me esperanças e não iria se não tivesse intenção de jogar. Vou viajar [para Inglaterra], vou jogar um exibição em Hurlingham e realizar uma semana de treinos para ver se é possível", atirou, prosseguindo.

"Há três anos que não jogo o torneio e estou motivado. Não sei o que pode suceder daqui a alguns dias, tenho que ser prudente, mas o que se passou dá-me esperanças de que possa estar presente."

Sobre o tratamento à lesão no pé: "Tenho notado algumas melhorias. Sinto menor dor articular que não me deixava apoiar o pé. Sentem-se coisas, às vezes fico com o pé dormente, outras vezes sinto caibras na planta do pé. Estou contente, há uma semana que não estou coxo", disse.

Em relação à paternidade, que foi anunciada nos últimos dias: "Não penso que haverá uma grande mudança na minha vida a nível profissional."

Nadal submeteu-se a um tratamento de injeções por radiofrequência no pé, depois da participação em Roland Garros.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.