O tenista alemão Alexander Zverev voltou hoje a derrotar Novak Djokovic, impondo-se em três ‘sets’ ao número um mundial nas meias-finais das ATP Finals, e marcou encontro com o russo Daniil Medvedev na final de domingo.

A história voltou a repetir-se: tal como nas meias-finais dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, onde acabou por conquistar o ouro, Zverev derrotou o sérvio e impediu-o de alcançar o derradeiro objetivo da temporada, o de igualar o recorde de triunfos de Roger Federer na competição que reúne os oito melhores tenistas da época.

Cinco vezes campeão nas ATP Finals, Djokovic ‘caiu’ hoje diante do número três mundial, com os parciais de 7-6 (7-4), 4-6 e 6-3, após uma ‘maratona’ de duas horas e 29 minutos.

Zverev vai assim discutir o título diante do vigente campeão, naquela que será a primeira final desde 2015 entre antigos campeões – o alemão venceu as ATP Finals em 2018.

Medvedev, número dois mundial, derrotou durante a tarde o norueguês Casper Ruud por ‘fáceis’ 6-4 e 6-2, somando o nono triunfo consecutivo na competição, este ano a decorrer na cidade italiana de Turim.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.