O piloto italiano Andrea Dovizioso vai retirar-se da categoria rainha do motociclismo de velocidade, MotoGP, após a 14.ª das 20 etapas Mundial, no fim de semana de 04 de setembro, em São Marino, anunciou hoje a Yamaha.

Em comunicado, a construtora “confirma a decisão da ‘estrela’ do MotoGP Andrea Dovizioso de abandonar a sua carreira de 20 anos de Grandes Prémios no Grande Prémio de São Marino e Riviera de Rimini, exatamente um ano após ter integrado” o projeto.

“O piloto oficial de testes (britânico) Cal Crutchlow vai ser o substituto para as restantes seis corridas da temporada”, lê-se ainda no texto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.