Com contrato ainda válido até 2012, Pepe tornou-se um elemento preponderante na equipa de Manuel Pellegrini (bem como com os seus antecessores) e os responsáveis madrilenos acreditam que chegou a hora de premiar o internacional português pelo seu esforço e profissionalismo.

Assim, o Real quer estender o vínculo até 2015, subindo exponencialmente o salário actual de 1,4 milhões de euros por temporada do central, de 26 anos.

Para o clube merengue, a questão deverá ficar resolvida até ao início de 2010.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.