O internacional português tem sido um dos alvos preferidos da imprensa espanhola que tem criticado muito as últimas exibições deste e, principalmente, a sua “seca” de golos.

Este sábado, em conferência de imprensa de antevisão do encontro do Real Madrid com o Deportivo da Corunha, José Mourinho defendeu Cristiano Ronaldo: “Os jogadores tornam-se intocáveis se trabalharem durante a semana e durante as partidas. Neste momento, é intocável porque trabalha como ninguém. Vai marcar. Nos momentos de construção de uma equipa, há que manter os princípios fundamentais e ele representa todos esses princípios”.

Outro dos assuntos que veio à conversa foi novamente a ausência de Pedro Léon dos convocados do Real Madrid, motivo pelo qual José Mourinho havia saído a meio da última conferência de imprensa. Desta feita, o técnico português manteve-se na sala e foi curto na resposta que deu: “sem comentários."

Para o encontro Real Madrid – Deportivo, o treinador aproveitou para anunciar o onze inicial da sua equipa: “Casillas, Ramos, Pepe, Carvalho, Marcelo, Khedira, Xabi Alonso, Özil, Di María, Cristiano e Higuaín”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.