O defesa central português Luís Neto, que esta noite não jogou no Dragão por ficar a cumprir castigo, considerou um resultado desnivelado «tendo em conta aquilo que o Paços de Ferreira produziu».
«Tivemos algumas dificuldades depois do 2-1. Mas acabámos por fazer o terceiro e o quarto em dois grandes lances nos nossos jogadores, que sabemos que a qualquer momento podem resolver», disse, esta terça-feira, o internacional português na zona mista do Estádio do Dragão.
Para o desafio da segunda mão, agendado para a próxima quarta-feira (dia 28), o Paços de Ferreira leva na bagagem uma derrota, já sem muita esperança de fazer parte da elite dos clubes europeus na fase de grupos da Liga dos Campeões.
«Fico feliz porque demos um bom passo rumo à fase de grupos. Está mais fácil para nós, está mais favorável e normalmente conseguimos fazer bons jogos em casa», explicou.
Os três golos de Shirokov, e o auto-golo do guarda-redes Degra, permitem à equipa russa entrar com uma confortável vantagem na segunda mão. André Leão foi o autor do golo da equipa canarinha.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.