O Chelsea anunciou esta quinta-feira a contratação do ex-internacional inglês, Robert Green. Aos 38 anos, o guarda-redes tinha terminado contrato com o Huddersfield Town, onde esteve na temporada 2017/2018 apesar de não ter somado nenhum jogo.

"As últimas 24 horas foram loucas. Estava a pensar na minha carreira, para onde queria ir, o que queria fazer e depois recebo uma chamada como esta. Obviamente que a conversa foi curta. Foi uma decisão rápida. Estou ansioso por começar a trabalhar", afirmou Robert Green, que assinou um contrato válido por uma época.

Green será a terceira opção do treinador Maurizio Sarri para a baliza do emblema inglês, depois da saída do português Eduardo para o Vitesse. O guarda-redes de 38 anos vai ter de lutar por um lugar com Courtois, que recentemente tem sido apontado ao Real Madrid, e Caballero.

Ao site do Chelsea, Green falou ainda sobre as expectativas para a temporada que se aproxima. "Com a minha experiência e conhecendo a Premier League e  o Chelsea como um adversário, tenho de ajudar em qualquer forma que o técnico e os treinadores achem adequado. A minha experiência é algo que eu tenho usado nos últimos anos com as equipas mais jovens por onde passei. Obviamente, esta equipa tem experiência por si, e o meu papel é ajudar em qualquer forma que eu puder para apoiar os guarda-redes e para aprender com eles. Mesmo com a minha idade, continuo a aprender e talvez os mais novos possam discutir coisas e aprender comigo, e nesse sentido eu posso ajudar. Se eu puder continuar a melhor, que assim seja. O dia que parar de melhorar é o dia que termino a carreira e eu ainda não terminei".

Antes do Huddersfield Town, Robert Green tinha já representado o Leeds United, QPR, West Ham e Norwich City.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.