A equipa de arbitragem que apitou o Sporting 3-1 Gil Vicente (8ª jornada) vai ser alvo de um processo disciplinar, anunciou o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

Apesar de não serem revelados quais os motivos sabe-se que se trata do processo disciplinar n.º 22 na época 2022/23 que incide assim sobre o árbitro Tiago Martins, os auxiliares André Campos e José Mira e o quarto árbitro Ricardo Baixinho.

Hugo Viana, diretor desportivo do Sporting, também entrou nas contas do Conselho de Disciplina com outro processo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.