Bruno de Carvalho já reagiu às alegações de Rafael Leão, apresentadas na carta de rescisão que o jogador enviou ao Sporting no passado dia 14 de junho, um mês depois dos ataques à Academia de Alcochete.

Na carta de rescisão, divulgada pelo jornal Record, o jovem avançado revela que chegou a ser ameaçado por Bruno de Carvalho, depois de o jogador ter partilhado o comunicado que os elementos do plantel de Jorge Jesus divulgaram nas redes sociais, na sequência dos comentários do ex-presidente dos 'leões' na sua conta de Facebook, em que criticava a prestação da equipa frente ao Atlético de Madrid.

Numa publicação no Facebook, Bruno de Carvalho afirma que Rafael Leão e o pai deste terão de provar aquilo que alegaram.

"Cuidado meu menino pois tu e o teu pai vão ter de provar isso! Aqui seguem as mensagens "ameaçadoras"!", escreveu o antigo presidente do Sporting, juntamente com 'print screens' de várias mensagens de WhatsApp.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.