António Oliveira, antigo jogador e posteriormente treinador do FC Porto, esteve esta sexta-feira no programa 'FC Porto em casa' e deixou um aviso sobre o futebol português da atualidade.

Na companhia de Cubillas, António Oliveira começou por recordar a chegada do avançado peruano ao FC Porto. "Quando veio era um tesouro, o Jorge Vieira foi um visionário a altura. O dinheiro não e mesmo de antigamente. Jorge Vieira era o chefe departamento de futebol do presidente Afonso Pinto de Magalhães, numa altura em que éramos sempre prejudicados", atirou o antigo treinador.

De seguida, António Oliveira comparou o futebol português na altura com aquilo que se passa atualmente. "Mas mesmo no que ainda é hoje o futebol português, não pensem que os clubes de Lisboa para serem campeões seja constitucional. Temos quatro poderes: o Presidente, o Governo, o Presidente da Assembleia da República e os tribunais. Espero bem que os clubes de Lisboa não sejam o quinto órgão de soberania em Portugal. Atenção, que não tenho qualquer projeto desportivo, apenas faço uma análise", rematou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.