O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, afirmou hoje que o ouro de Pedro Pichardo no triplo salto dos Campeonatos da Europa de atletismo em pista coberta é um “motivo de orgulho para Portugal”.

“Enquanto presidente do Sport Lisboa e Benfica, não posso deixar de assinalar que este feito se reveste de um enorme orgulho pessoal e de uma verdadeira felicidade. Estou certo que se trata de igual orgulho para toda a nação benfiquista e, sobretudo, para Portugal”, afirmou Luís Filipe Vieira, em declarações ao sítio oficial do clube.

O atleta português chegou ao primeiro lugar do pódio com a marca de 17,30 metros e superou todos os adversários por larga margem, com o azeri Alexis Copello (17,04) a ficar em segundo e o alemão Max Hess (17,01) em terceiro.

Vieira considerou que o atleta, que representa o Benfica, é hoje uma “referência no desporto”.

“Mostraste todo o teu valor, que há muito te reconhecemos, e é justo que hoje o país inteiro sinta orgulho na tua vitória. Sei bem como desejavas viver este momento e poder cantar o hino nacional”, acrescentou.

Pichardo, de 27 anos, nasceu em Cuba e naturalizou-se português no final de 2017.

Há dois anos, foi quarto classificado nos Campeonatos do Mundo, mas no seu currículo conta ainda com duas medalhas de prata, em 2013 e 2015, ainda como atleta de Cuba.

Esta é a segunda medalha de Portugal nestes Europeus de Torun, depois do ouro de Auriol Dongmo no lançamento do peso, sexta-feira, elevando para 25 o total das medalhas lusas em todas as edições dos campeonatos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.