A Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e a Altice resolveram o diferendo relacionado com o contrato de direitos audiovisuais da Taça da Liga, celebrado em 2014, anunciou esta segunda-feira a entidade liderada por Pedro Proença.

"Este acordo, em cuja promoção a direção da Liga Portugal e a administração da Altice puseram grande empenho, volta a colocar num plano positivo as relações entre ambas as entidades, conforme impunha o interesse das competições profissionais e atenta a circunstância de a Altice ter uma presença relevante no futebol profissional", lê-se no comunicado divulgado pela Liga de clubes.

A LPFP destacou que foi "encerrado mais um processo herdado do passado", sublinhando a estratégia de "regularização de todas as situações litigiosas que foram herdadas pela atual direção".

Já Pedro Proença lançou que este é "mais um tema resolvido" e que, agora, faz parte "de um passado do qual a Liga não se orgulha", deixando um agradecimento especial ao envolvimento da administração da Altice, na pessoa do seu presidente, Alexandre Fonseca, na resolução deste processo.

"A Liga continuará apostada em resolver todas as litigâncias que herdou, projetando-se para uma dimensão maior e de crescimento constante", rematou Pedro Proença.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.