A Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto da Assembleia da República aprovou hoje por unanimidade a admissibilidade da petição que solicita o reconhecimento das edições do Campeonato de Portugal entre 1922 e 1938.

“A petição deu entrada com uma nota técnica de admissibilidade e como respeitava as condições exigíveis foi aprovada por unanimidade pela comissão”, disse à agência Lusa o coordenador da Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto e deputado do PSD, José Carlos Barros.

Admitida a petição, apresentada por Paulo Alexandre Silva Almeida, cabe agora ao relator escolhido, o deputado Joel Sá, do PSD, emitir um parecer, depois de proceder a novas audições, quer junto dos peticionários, quer junto de outras entidades ou personalidades, caso assim o entenda, parecer esse que porá à consideração da comissão.

De acordo com José Carlos Barros, o relatório final terá sempre de ser agendado para debate em plenário do Parlamento, uma vez que a petição tem mais de quatro mil assinaturas.

O primeiro peticionário do requerimento, que contou com 4470 assinaturas, Paulo Alexandre Silva, é gestor de produto do Sporting e no documento enviado para a Assembleia da República denuncia o facto de a “Federação Portuguesa de Futebol não reconhecer as 17 edições do Campeonato de Portugal (única prova nacional disputada entre 1922 e 1938), não respeitando assim a história dos Clubes e Jogadores que venceram dentro de campo”.

A FPF considera que o Sporting conta atualmente com 18 títulos, enquanto os peticionários alegam que o clube soma 22.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.