Em vésperas de duelo na Amoreira e com o mercado de transferências em deadline, Rúben Amorim esteve em conferência de imprensa de antevisão ao jogo fora frente ao Estoril marcado para esta sexta-feira às 21h15.

Em declarações na Academia de Alcochete, o técnico leonino falou do momento da equipa, do mercado e ainda da novela Cristiano Ronaldo.

Opções para o jogo: "O Paulinho mantém-se fora. Está quase a recuperar. O Porro está de volta. O Jovane mantém-se em tratamento. A semana não foi a mais feliz, mas fizemos as mesmas coisas: olhámos para jogo, vimos onde temos de melhorar... Fizemos uma observação do que o Chaves fez e do que fizemos. Quando a semana é focada, passa mais rápido. O jogo passou para um dia antes, para mim é muito bom. Acho que há muita coisa a ser bem feita. Outras a melhorar. Queremos ganhar jogos."

Rumor de que Ronaldo tinha sido proposto a Amorim no Sporting: "O Ronaldo é jogador do Manchester United e nunca me foi apresentado, portanto é impossível meter o lugar à disposição. Também sei a responsabilidade que tenho. Outras coisas me fariam meter o lugar à disposição. Tenho um compromisso com o clube e principalmente com os jogadores. É falso. Essa hipótese nunca se colocou."

Processo a jornalista na flash-interview do jogo com o Chaves: "Penso que é algo que me ultrapassa. As perguntas podem ser feitas como quiserem, eu só responder aquilo que quero. Eu controlo as minhas respostas. É uma coisa regulamentar, mas é uma coisa que me ultrapassa. A verdade é que nos temos desviado com o essencial. Ando a perder energia com tudo o que se passa à volta. Não tenho muito a dizer. Eu controlo as minhas respostas, as perguntas são me indiferentes."

Declarações de Frederico Varandas: "Os objetivos são ganhar os jogos todos e fazer as contas no fim. A maioria das competições ainda nem começou. A única forma de dar a volta a isto é ganhar jogos. Não é dizer que temos de reagir, temos é de melhorar em determinados aspetos. Sofremos dois golos de bola parada e reparamos que não temos o Paulinho, o Palha e o Matheus Nunes. Tento arranjar soluções. Ganhando os jogos, damos a volta à crise. Trabalhamos muito neste clube exigente. Vamos dar a volta a um momento mau."

Possibilidade de Alexandropoulos se estrear: "Ele vai ser convocado porque eu quero que o Matheus Fernandes jogue, porque está há muito tempo sem jogar. Quero que jogue pela equipa B. Não fomos ao mercado para compensar nada. O Sotiris é um jogador de potencial, mas não pensamos que vai chegar aqui e assumir um papel importante. Acreditamos muito nele. Pode jogar a 8 ou a 6. Não sabemos o dia de amanhã. Não estou preocupado apenas com o presente, também me preocupo com o futuro. Em termos de planeamento falhámos, há que assumi-lo. O Sotiris é um jogador para o presente, mas essencialmente para o futuro."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.