O treinador do Santa Clara adiantou esta quinta-feira aos jornalistas que declinou o convite do clube para continuar na equipa da II Liga de futebol e que vai apenas se manter na formação açoriana até ao final da época.

«Já comuniquei ao presidente e comuniquei aos jogadores, tive um convite há cerca de três ou quatro semanas para continuar, mas vou dar outro rumo à minha vida, para o ano não vou ser treinador do Santa Clara», afirmou em conferência de imprensa, no Estádio de São Miguel.

O técnico Luís Miguel assumiu ter sido «uma honra trabalhar num grande clube que dá grandes condições aos treinadores» e decidiu informar a sua decisão nesta fase aos órgãos de comunicação social não só «para evitar especulações» como para dar tempo para a escolha de outro treinador.

«Comunico com antecipação para deixar tempo às pessoas para trabalharem com antecipação, para fazerem o seu trabalho de casa e para prepararem a nova época com tempo e com aquilo que é necessário para o Santa Clara conseguir os seus objetivos para a próxima época», disse.

Luís Miguel, que assumiu os comandos técnicos do Santa Clara no final da época 2011/2012 aquando a saída do treinador Bruno Moura, vai sair do clube depois de cumpridas as quatro jornadas que faltam para o final do campeonato da II Liga e recusou falar do seu futuro enquanto treinador.

«Não queria estar a falar disso. Mais importante do que o futuro do Luís Miguel é o futuro do Santa Clara», disse.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.