Tonau, o novo treinador do Fafe, clube da II Liga de futebol, foi hoje apresentado e prometeu "empenho e dedicação" para alcançar os objetivos a que o grupo se propôs no início da temporada.

O substituto de Agostinho Bento mostrou-se confiante em relação ao futuro e no potencial do grupo fafense.

"É um orgulho representar esta equipa. Quero desempenhar da melhor forma o meu trabalho, juntamente com os jogadores e a minha equipa técnica", começou por dizer o técnico, que acrescentou ainda: "Posso dizer que os jogadores que estão neste momento ao serviço do Fafe são os melhores do mundo. Já trabalhei com eles hoje e encontrei um grupo alegre, com motivação."

O treinador prometeu muito trabalho de forma a que consiga "deixar a marca no Fafe", tal como considera que o anterior técnico fez.

"Vamos trabalhar de forma a que domingo após domingo esta equipa consiga melhores exibições e resultados. Queria ainda deixar uma palavra para Agostinho Bento, que espero que rapidamente volte ao trabalho e se possível num projeto ainda mais aliciante. Fez um excelente trabalho e deixou marca neste clube. E eu espero também fazer", acrescentou.

Tonau, como é conhecido no mundo do futebol, tem consciência das dificuldades que vai encontrar pela frente, ainda assim, garantiu que não é isso que o vai fazer desistir.

"Todos juntos vamos lutar por um objetivo que não é fácil. Mas no final vamos ficar todos contentes", finalizou.

António dias da Silva, mais conhecido por Tonau, tem 49 anos e como treinador orientou as camadas jovens do Vitória de Guimarães, tendo depois passado por clubes como o Famalicão, o Amares, o Tourizense, o Vilaverdense, a AD Oliveirense e a equipa C do Sporting de Braga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.