Fernando Santos não hesita em referir o ano de 2016 como o mais importante da sua carreira enquanto treinador. Em entrevista ao jornal A Bola, o técnico português afirmou que vencer o Campeonato da Europa foi um marco decisivo na história do futebol português.

"Desportivamente foi, de certeza, o ano mais importante da minha vida. Vencer o Campeonato da Europa é um marco definitivo e histórico, não só na minha vida como na vida de muitas mais pessoas, por razões diversas. Para nós, aqueles que estiveram diretamente envolvidos na conquista do Europeu e criaram condições para que o povo português saboreasse um triunfo desse calibre, trata-se de um momento profissional incontornável".

Apesar de ter conquistado um feito histórico para Portugal, Fernando Santos admite que não mudou a sua postura apesar do sucesso. Para o selecionador nacional não mudou nada.

"Não mudei a minha maneira de pensar, estar e agir no dia-a-dia. Dentro de mim nada mudou. Porém, olhando para as coisas com realismo, constato que, a partir de 10 de julho de 2016, passei a ser alvo de um maior reconhecimento por parte das pessoas, na rua, onde quer que seja e cinco meses volvidos continua a ser igual.".

Fernando Santos está a ter um ano 2016 repleto de troféus. Para além do Campeonato da Europa, o selecionador está nomeado para melhor treinador do Mundo pela FIFA.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.