Ao longo da carreira, José Mourinho tornou-se sobejamente conhecido, também, pelas diversas polémicas com os árbitros, uma relação de animosidade que mereceu agora um comentário de Paolo Casarin, antigo juiz italiano.

"Quando ele recorda aquilo que conquistou, quer que tu saibas que ele trabalhou para isso, muito e bem. Não se faz de parvo e não quer perder tempo. Não lhe podes dizer 'Cala-te', que ele está acima de ti", começou por dizer Casarin, atualmente com 87 anos, ao jornal 'Corriere dello Sport'.

"É um homem muito inteligente. Tens de falar com ele com respeito. E, depois, tem uma dúzia de pessoas atrás dele a pressionar... Como [Rudi] Garcia, com o gesto do violino, que gostei muito. Pura criatividade", completou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.