O norte-americano Brooks Koepka conquistou no domingo a 100.ª edição do PGA Championship de golfe, o quarto e último ‘major’ da temporada, resistindo ao regresso do compatriota Tiger Woods, que somou mais duas pancadas.

No Bellerive Country Club, em Saint Louis, no Missouri, Koepka somou o seu terceiro triunfo em 'majors', depois de dois títulos no US Open (2017 e 2018), ao totalizar 264 golpes (16 abaixo do par).

"Sinto-me bem nos 'majors'. Adorava sentir-me assim concentrado nos outros torneios", afirmou Koepka, de 28 anos, que se tornou no segundo golfista a juntar o US Open ao PGA Championship no mesmo ano, depois de Woods, Jack Nicklaus, Gene Sarazen e Ben Hogan.

Woods, vencedor de 14 torneios do 'Grand Slam', ainda subiu quatro posições na quarta e última volta, que completou com 64 pancadas - menos duas do que Koepka -, mas não conseguiu regressar aos triunfos, terminando o torneio em 266, menos uma do que o australiano Adam Scott, terceiro classificado.

"Bati-me, estive focado e só perdi por dois golpes. Tentei ser positivo durante toda a semana e todo o mundo foi formidável comigo. Fiquei feliz por ter estado aqui", referiu Woods, após consumar o regresso ao topo do golfe mundial, após ter 'caído' para posições abaixo do 1000.º lugar no 'ranking' mundial no ano passado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.