Miguel Oliveira espera estar a postos para primeiros testes de MotoGP da temporada, que irão decorrer de 7 a 9 de fevereiro na Malásia, mas diz que, neste momento, ainda não se encontra totalmente recuperado.

"Ainda não estou a 100 por cento", reconheceu o piloto da KTM Red Bull Tech 3, que foi operado em novembro do ano passado a uma lesão sofrida no ombro, problema que o obrigou falhar as últimas provas da temporada de MotoGP de 2019.

O piloto de Almada, que falou durante a apresentação do Rali de Portugal, aproveitou também para abordar a nova temporada. "Os testes vão começar em fevereiro e aí começo a ter uma noção da mota. A equipa está confiante e eu também. Este ano a KTM tem uma mota mais competitiva do que no ano passado, por isso acreditamos que podemos fazer uma excelente época", salientou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.