O português Diogo Ribeiro sagrou-se esta segunda-feira campeão do mundo dos 50 metros mariposa dos Mundiais aquáticos, conquistando a sua segunda medalha na disciplina.

Em Doha (catar), o atleta do Benfica nadou a distância em 22,97 segundos, ficando à frente do norte-americano Michael Andrew (23,07s) e do australiano Cameron McEvoy (23,08s).

A saída da plataforma não foi a ideal, mas Ribeiro conseguiu superar esse obstáculo e nadou até à vitória. No final, ainda demorou uns segundos a perceber o que havia conquistado, antes de levantar os braços para a consagração, enquanto cruzava olhares com os familiares e outros portugueses presentes que faziam a festa na bancada. “ Não tenho palavras neste momento. O início não foi bom, mas estou tao contente por ser campeão do mundo”, afirmou o jovem, de 19 anos.

Em 2023, em Fukuoka (Japão), Diogo Ribeiro tinha dado a primeira medalha a Portugal em Mundiais de natação, ao ser segundo na final de 50 metros mariposa, tornando-se já este ano no primeiro luso a chegar a duas finais. O nadador do Benfica, recordista mundial júnior dos 50 metros mariposa, está ainda inscrito nos 50 metros livres, 100 metros livres e 100 metros mariposa dos Mundiais de 2024, distâncias nas quais já tem garantido o apuramento para os Jogos Olímpicos Paris2024.

Rui Costa fez ainda questão de deixar uma mensagem a congratular o seu atleta na página oficial do Benfica. "Notável este feito de dimensão global, um orgulho e uma emoção enormes para toda a família benfiquista", l~e-se no comunicado.

Ouça novamente o "Slow Talk", podcast com Diogo Ribeiro:

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.