Mais de metade dos surfistas portugueses presentes no Pro Santa Cruz, do circuito mundial de qualificação, foram  eliminados esta terça-feira, mantendo-se 10 em prova.

Luís Perloiro, Pedro Coelho, Eduardo Fernandes, Jacome Correia e Tomás Fernandes superaram a segunda ronda do campeonato que esta terça-feira arrancou na Praia da Física, no concelho de Torres Vedras, juntando-se na terceira eliminatória a Nic von Rupp e Robertson Gonçalves.

Estes sete surfistas lusos vão tentar juntar-se na fase seguinte ao único representante português no circuito principal, Frederico Morais, e a Miguel Blanco e Afonso Antunes.

No primeiro dia de competição, Salvador Couto foi o único luso a avançar da primeira para a segunda ronda, na qual acabou por ser eliminado, juntamente com Ruben Gonzalez, Francisco Carrasco, Frederico Magalhães, Henrique Pyrrait, Raul Bormann e Tiago Pires.

Antes, já Pedro Barros, Martim Paulino, Gonçalo Vieira e Simão Penha tinham ‘caído’ nos primeiros ‘heats’.

O Pro Santa Cruz (3.000 pontos), cujo período de espera decorre até domingo, é uma das três provas do calendário do circuito de qualificação que se realizam em Portugal, depois do Caparica Pro (1.000) e antes de uma terceira também nas ondas lusas (10.000), provavelmente em setembro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.