O tenista canadiano Felix Auger-Aliassime vai estrear-se nas meias-finais do Open dos Estados Unidos, após a desistência do adversário Carlos Alcarraz, em Nova Iorque, onde a bielorrussa Aryna Sabalenka também será semifinalista pela primeira vez.

Num encontro muito aguardado, a encerrar a sessão noturna no Arthur Ashe Stadium, um duelo que colocava frente a frente dois dos jovens promissores do ténis mundial, o tenista de Montreal, de 21 anos, dominava o jogo e o adversário Carlos Alcaraz, de apenas 18 anos, quando este apresentou à rede a sua desistência, numa altura em que o marcador registava 6-3 e 3-1.

Com uma lesão não especificada, o jogador de Múrcia, número 55 do ‘ranking’ ATP, que havia eliminado na terceira ronda o grego Stefanos Tsitsipas, número três mundial, entregou o triunfo a Auger-Aliassime, o primeiro canadiano a atingir as meias-finais do último ‘major’ da temporada desde 1881 e o mais novo a integrar o lote dos último quatro jogadores em prova desde o argentino Juan Martin del Potro em 2009, quando conquistou o título.

“É um feito incrível. Tem sido um torneio fantástico para mim. Claro que foi estranho hoje, mas no final, passei. Vou ter a oportunidade de jogar na sexta-feira outra vez com um dos melhores jogadores do mundo e a chance de me qualificar para a minha primeira final de um torneio do ‘Grand Slam’. É incrível, estou feliz por ter passado e vou tentar ganhar o próximo encontro”, comentou, na entrevista em ‘court’.

O próximo adversário de Felix Auger-Aliassime, 15.º colocado na hierarquia mundial, será o russo e número dois mundial, Daniil Medvedev, que só defrontou em uma ocasião. Nesse encontro, em 2018, disputado no Masters 1.000 de Toronto, venceu o moscovita no ‘tie-break’ do terceiro ‘set’.

Na competição feminina, a número dois mundial, Aryna Sabalenka, também garantiu a qualificação, pela primeira vez na carreira, para o penúltimo desafio do Open dos Estados Unidos, ao bater a checa Barbora Krejcikova (nona WTA), campeã de Roland Garros, por 6-1 e 6-4.

Naquela que será a sua segunda meia-final de um torneio do ‘Grand Slam’, depois da estreia em Wimbledon, Sabalenka vai defrontar a jovem Leylah Fernandez, de 19 anos, que está a causar sensação em Flushing Meadows, onde eliminou nos quartos de final a ucraniana Elina Svitolina, número cindo do mundo, com os parciais 6-3, 3-6 e 7-6 (7-5).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.