Lito Vidigal não deixou Sérgio Conceição sem respostas no que ao relvado diz respeito. O treinador dos sadinos elogiou a forma como a sua equipa jogou mas lamentou que o video-árbitro não tivesse feito mais intervenções no jogo. Lito diz-se prejudicado pelas decisões do VAR.

Veja as melhores imagens do jogo

Análise à atuação do video-árbitro: "Temos tido lances duvidosos em todos os jogos, ninguém teve coragem de analisar e decidir com justiça. O VAR não funciona a nosso favor, quando é ao contrário ele é usado, mas para nós parece que não funciona e isso tem sido penalizador."

Lances polémicos: "Há lances claros em que fomos prejudicados. O Felipe faz falta clara, acerta na perna do Hildeberto. É importante ter a coragem de olhar para os dois lados do campo e analisar as coisas de forma mais fria. Há aspetos que nos atrapalham e hoje e no jogo contra o Sporting fomos prejudicados".

Críticas de Conceição ao relvado: "Sobre o relvado, há que ter cuidado quando fazemos apreciações. O Vitória só tem um campo, treinamos todos os dias e jogamos aqui, a equipa de sub-23 também. Queria ter campos para treinar, também gosto de praticar bom futebol como vimos hoje, mas esta nossa realidade."

FC Porto a queimar tempo: "Fizemos um jogo, dividimos o jogo com o FC Porto e criámos as mesmas situações de golo. Toda a gente viu o pontapé de Felipe sobre Hildeberto. Fizemos um jogo de qualidade e caráter, foi pena não termos tirado dividendos do jogo contra um adversário forte, com poderio, mas alguns jogadores do FC Porto viram cartão amarelo por atrasar o ritmo do jogo, o que nós nunca fizemos."

Adeptos sadinos orgulhosos: "Fizemos um bom espetáculo e quem esteve no estádio saiu contente com a qualidade do nosso jogo. Esta equipa não vira a cara à luta, respeita todos os adversários, mas joga de igual para igual. É preciso ter coragem de olhar para os dois lados e analisar coisas mais friamente, reconhecendo as verdades. E nós, infelizmente, temos sentido que do lado de lá tem custado trazer o equilíbrio que conseguimos dentro de campo."

Futuro: "Esta equipa vai crescer muito mais, vai ser mais forte e competitiva. Com pouco tempo de trabalho, temos uma identidade própria. Temos quatro pontos, já jogamos contra FC Porto e Sporting, e as coisas deviam estar mais equilibradas. São os pontos que dão confiança e transmitem o trabalho que temos vindo a desenvolver. Esta equipa precisa conforto e confiança, mas a trabalhar assim, vamos ter os pontos necessários para ter confiança e jogar o futebol que pretendemos."

O detentor do título FC Porto ascendeu, este sábado, provisoriamente à liderança da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer por 2-0 no reduto do Vitória de Setúbal, em encontro da quinta jornada.

O camaronês Aboubakar, aos 16 minutos, e o suplente Sérgio Oliveira, aos 78, apontaram os tentos dos ‘dragões’, que passaram a somar 12 pontos, contra 10 de Benfica, Sporting de Braga e Sporting, todos com menos um jogo, e ainda Rio Ave e Marítimo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.