Octávio Machado orientou os “leões” nas épocas de 95 e 97 e considera que apesar dos muitos jogos que compõem o campeonato, “os dérbis são sempre momentos especiais”.

Em conversa com o Sapo Desporto, Octávio reconhece que “o dérbi é sempre diferente e é bom que os jogadores desfrutem deste momento, que é um momento enorme, que proporciona estádios cheios e um ambiente espectacular como não acontece em muitas outras oportunidades.”

Segundo o técnico, este é também um jogo que chega em bom momento para a equipa orientada por Carlos Carvalhal, já que, realça, “esta é uma grande oportunidade para o Sporting demonstrar claramente que quer alterar o percurso que tem tido até aqui”.

Contudo, o antigo treinador reconhece que pela frente o Sporting terá “um Benfica muito mais homogéneo e forte, mas que não é uma equipa invencível”.

Se usualmente se diz que é a equipa que está pior que acaba por vencer o encontro, Octávio considera que não passam de mitos, voltando a frisar que “é um jogo em que o Sporting com uma vitória pode alterar profundamente o ambiente à sua volta, voltando a animar não só a equipa mas também os seus seguidores”.

“O jogo com o Benfica nesta altura é o ideal para o Sporting. Os sportinguistas sabem que se trata de um jogo difícil, pois o Benfica tem apresentado muita qualidade e revelado poucas fragilidades, mas uma vitória pode galvanizar o clube para o resto do campeonato.”

Contudo, alerta, “uma derrota pode levar à descrença completa”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.