O vimaranense João Sousa venceu hoje Luís Faria e assegurou a estreia numa final do Circuito Sénior da Federação Portuguesa de Ténis (FPT), no Lisboa Racket Centre, onde Francisca Jorge e Inês Murta vão voltar a lutar pelo título.

Depois de ter ficado pela fase de grupos na Vale do Lobo Tennis Academy, em Loulé, na semana passada, o número um português e 66 mundial ultrapassou o jovem conterrâneo Luís Faria, de 20 anos, em dois ‘sets’, por duplo 6-4, em uma hora e 32 minutos.

“Hoje, foi mais um bom encontro. Sabia que o Luís ia entrar muito motivado. Somos os dois de Guimarães, portanto ele ia jogar muito solto. Acho que fizemos os dois um bom encontro. No final dos dois ‘sets’, se calhar, consegui jogar um bocadinho melhor, elevar o nível e isso foi a grande diferença”, explicou João Sousa.

Apesar de admitir que as vitórias são importantes, João Sousa assegurou ter outros objetivos neste regresso à competição, por forma a preparar a retoma do ATP Tour, em 14 de agosto, em Washington.

“O importante era vencer, mas o objetivo é competir e competir bem. Estou a competir melhor do que em Vale do Lobo, apesar de as condições serem adversas. Preciso de encontros, mas obviamente tentarei sempre vencer”, esclareceu.

Consumado o triunfo, João Sousa vai defrontar na final Frederico Silva, segundo cabeça de série, que eliminou Duarte Vale, em dois ‘sets’, por 6-3 e 6-4, em uma hora e 53 minutos.

Na competição feminina, Francisca Jorge foi a primeira a garantir a presença na final, ao somar a 11ª vitória consecutiva, desta feita diante de Maria Inês Fonte, em duas partidas, pelos parciais de 6-2 e 6-2, em uma hora e 15 minutos.

“Joguei bem. No segundo ‘set’ baixei um bocadinho a concentração, se calhar dei como garantida a vitória demasiado cedo e não devia, mas depois acabei por manter a calma e voltar ao ritmo que estava a conseguir impor e acabei por ser superior”, admitiu a número um portuguesa e tricampeã nacional.

Após os títulos conquistados no Oeiras Open e no primeiro torneio do Circuito Sénior da FPT, Francisca Jorge vai voltar a medir forças com a algarvia Inês Murta, finalista vencida em Loulé, que ultrapassou Ana Filipa Santos nas meias-finais, por duplo 6-2.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.