O golo do Leixões nasceu nos pés do jogador arsenalista Moisés, completamente só na defesa, atrasou a bola com alguma força para Eduardo que, ao tentar dominá-la, deixou-a passar por debaixo do pé e acaba por entrar na baliza deserta. O guarda-redes da Selecção Nacional bem tentou correr atrás dela para desfazer o deslize mas sem sucesso. Um "frango molhado" no Estádio do Mar.

A três minutos do final, Alan aproveitou um mau alívio de um defesa do Leixões e depois rematou cruzado, sem hipóteses de defesa para Diego.

O Braga entrou na segunda parte decidido a mudar o rumo deste encontro mas a eficácia na finalização não aparecia aos minhotos.

O Leixões, mais preocupado com a defesa, tanto no relvado como do resultado, conseguiu mesmo assim surpreender os arsenalistas com rápidos contra-ataques.

Ao minuto 59, Eduardo ia apanhando outro susto quando viu Rodríguez perder a bola perto da grande área para Faioli mas o peruano conseguiu emendar o erro cometido por ele próprio e chutar a bola para fora.

O Braga atacava mais mas o Leixões, sempre que se aproximava da baliza de Eduardo, fazia-o com lances de maior perigo.

A equipa da casa voltaria a protagonizar outro lance de grande perigo, ao minuto 69 com uma boa investida de Zé Manuel pelo flanco esquerdo, a cruzar para a grande área, onde surgiu Hugo Morais a cabecear com força. Valeu a atenção de Eduardo.

O Estádio do Mar, em Matosinhos, esteve debaixo de muita chuva e vento a dificultar a circulação de bola e a provocar um embate lento mas com muita disputa no meio campo.

Além do auto-golo, que coloca a equipa da casa em vantagem, hoje comandada pelo técnico-adjunto António Pinto, em substituição do castigado José Mota, o jogo fica também marcado pelo número excessivo de cartões. Seis amarelos, um vermelho e ainda a expulsão de Domingos Paciência por alegados insultos ao árbitro.

Com este empate, o Braga pode ver o Benfica encostar-se no primeiro lugar caso os encarnados vençam amanhã a Académica de Coimbra de André Villas Boas no Estádio da Luz. Mesmo com uma vitória do Benfica, o Braga acabará a 12ª jornada como líder porque no confronto directo os minhotos venceram em casa os encarnados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.