O FC Porto visita esta segunda-feira o reduto do Santa Clara, em jogo a contar para a 23ª jornada do campeonato nacional. Este domingo, o treinador dos dragões fez a antevisão à partida nos Açores.

O adversário

"É um jogo dentro daquilo que nós encontramos dentro do campeonato. Uma equipa difícil e que não tem sido muito falada. Falamos de uma equipa que tem mais dois pontos do que no ano passado, muito bem organizada e que soma quatro vitórias nos últimos quatro jogos realizados."

Relvado do Santa Clara

"Vamos ver como é que está o estado do relvado. Acho que até foi considerado o pior da primeira liga. Acho que nem o Santa Clara pode treinar no seu próprio estádio. Com um bom ou um mau relvado nós vamos fazer de tudo para ultrapassar esta barreira. Nada servirá de entrave para conseguir os três pontos."

Eliminação europeia

"Ninguém gosta de perder. Nós saímos tristes e frustrados de uma competição onde queríamos chegar o mais longe possível. Agora o foco está na I Liga e na Taça. Temos de perceber que este é o ultimo jogo de uma sequência vertiginosa de encontros."

Saída de Saravia

"O Saravia até junho não está na equipa, por isso, não vale a pena falar do que fez de positivo ou negativo. Mas aproveito para dizer que o Saravia é um ser-humano fantástico, muito acarinhado pelos colegas. Faz parte dos quadros do clube, mas ele precisa de jogar mais até porque há uma competição de seleções na qual ele tem ambição de estar. Era importante para todos que o Saravia tivesse mais minutos."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.