A vitória do anfitrião da primeira Liga das Nações

O sexto mês do ano ficou marcado por mais uma conquista de Portugal numa grande competição: Depois do Euro2016 e do bronze na Taça das Confederações em 2017, a seleção nacional sagrou-se vencedora da primeira edição da Liga das Nações.

Este menino está como o vinho do Porto: os números assombrosos de CR7 antes e depois dos 30 anos
Este menino está como o vinho do Porto: os números assombrosos de CR7 antes e depois dos 30 anos
Ver artigo

Comecemos pelo início: no dia 5, Portugal defrontou a Suiça na primeira meia-final da competição, no Estádio do Dragão. Ronaldo, perdão, Portugal venceu por 3-1, com o capitão a fazer os três golos que colocaram a Seleção Nacional de regresso a uma final em casa, depois do malogrado Euro2004 e à terceira na sua história.

Liga das Nações: Inglaterra vence Suíça nas grandes penalidades e acaba no pódio
Liga das Nações: Inglaterra vence Suíça nas grandes penalidades e acaba no pódio
Ver artigo

Na outra meia final, Holanda e Inglaterra viram-se obrigadas ao prolongamento depois de um empate a uma bola nos 90 minutos no Estádio D. Afonso Henriques. A ‘Laranja Mecânica’ fez render o tempo extra e fez o 3-1 que colocou os holandeses no caminho da seleção das quinas.

Na final, Gonçalo Guedes foi o herói no Estádio do Dragão, ao minuto 60, ao chutar para o golo da vitória portuguesa: Portugal escrevia uma nova página na sua história, ao vencer a Holanda por 1-0 e sagrando-se como o primeiro vencedor da Liga das Nações.

Ronaldo foi o melhor marcador da prova e Bernardo Silva eleito o melhor jogador da competição.

Portugal vs Holanda
Portugal sagra-se campeão da Liga das Nações. (Photo by PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP) créditos: AFP OR LICENSORS

Liverpool de regresso ao ‘trono’ europeu

Depois da derrota em 2018 em Kiev, os ‘Reds’ de Klopp ‘vingaram-se’ e acabaram por levar para Liverpool o troféu de campeão europeu, o 6.º da histórica dos ingleses.

Numa final entre equipas inglesas (tal como aconteceu na final da Liga Europa), o marcador da partida entre Tottenham e Liverpool começou a mexer rápido, muito rápido mesmo…

Klopp: "Normalmente 20 minutos depois já estou meio bêbado..."
Klopp: "Normalmente 20 minutos depois já estou meio bêbado..."
Ver artigo

Aos 28 segundos Sissoko, dos Spurs, toca com a mão na bola dentro da grande área, com o árbitro a assinalar grande penalidade a favor da equipa de Anfield que Salah converteu com sucesso.

Origi, aos 87’ alargou a vantagem e confirmou o regresso do Liverpool às conquistas europeias, depois da Champions de 2005, conquistada na eterna final de Istambul.

As melhores fotos do mês de junho de 2019
A Euforia na chegada dos novos campeões europeus a Liverpool. (AFP) créditos: DR

A vitória veio fechar com chave de ouro a campanha incrível dos ‘reds’ que contou com a histórica reviravolta em Anfield, frente ao Barcelona, com a caminhada a terminar nas ruas de Liverpool em festa.

Veja as melhores fotos do mês de junho na fotogaleria abaixo

Benfica, de novo, campeão nacional de Futsal

Depois de três épocas em que o Sporting arrecadou de forma consecutiva o campeonato nacional, o Benfica reconquistou também o campeonato nacional de Futsal.

As ‘águias’ levaram a decisão à ‘negra’ do ‘playoff’ do campeonato nacional depois de perderem o primeiro (5-4) e o quarto jogo (5-3) e de vencerem o segundo (6-3) e o terceiro (4-3).

No derradeiro jogo, disputado no Pavilhão da Luz, os ‘encarnados’ levaram a melhor, vencendo os tricampeões por 4-3 e levantando o ‘caneco’ pela primeira vez desde 2015.

Futsal: Um reinado dividido entre 'águias' e 'leões'
Futsal: Um reinado dividido entre 'águias' e 'leões'
Ver artigo

Já o Sporting também fez algo que já não acontecia há quatro anos: o clube de Alvalade terminou a época sem vencer o titulo nacional de qualquer modalidade (andebol, hóquei em patins, voleibol e futsal).

Futsal: Benfica vs Sporting
Equipa do Benfica levanta a taça de Campeão Nacional de Futsal após vencer o Sporting por 4-3 no quinto jogo da final de futsal disputado esta tarde no Pavilhão da Luz, em Lisboa, 16 de junho de 2019. MIGUEL A. LOPES/LUSA créditos: LUSA

As 15 medalhas 'lusas' nos Jogos Europeus Minsk2019

Portugal foi à Bielorússia melhorar a sua performance em Jogos Europeus.

Depois de nos jogos de 2015 (em Baku, no Azerbeijão) a comitiva ‘lusa’ ter regressado a casa com 10 medalhas (três ouros, quatro pratas, três bronzes), este ano a ‘mala’ regressou mais pesada, com 15 medalhas (três ouros, seis pratas e seis bronzes).

A vitória da Seleção de Futebol de Praia, de Fu Yu no ténis de mesa e de Carlos Nascimento nos 100 metros igualaram o número de ouros de 2015 (na altura conquistados por Rui Bragança no Taekwondo, por Marcos Freitas, Tiago Apolónia e João Geraldo no Ténis de Mesa e por Telma Monteiro no Judo).

Com este registo Portugal subiu uma posição na classificação final dos Jogos Europeus, passando de 18.º para o 17.º lugar.

Fu Yu conquistou a medalha de ouro
Fu Yu com a medalha de ouro. EPA/SERGEY DOLZHENKO

E a chegada de Jesus ao Brasil

O primeiro dia de junho viu confirmada a chegada de Jorge Jesus ao comando técnico do Flamengo.

O técnico foi recebido com desconfiança no comando do 'Mengão', mas não ficou intimidado e começou logo a pensar no possível adversário que iria sair da final da Champions para o Mundial de Clubes ao qual queria chegar com a vitória na Taça Libertadores.

Na sua estreia ao comando do Flamengo, num jogo de treino, venceu o Madureira por 3-1.

Quanto ao resto... guardamos para novembro.

E a chegada de Jesus ao Brasil
créditos: SAPO Desporto

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.